Breaking News
recent

Especial Blanc


ELE EM MIM!

       Fui levada pelo vírus do amor para um mundo novo, em que ele era apenas meu.
      Eu o via a onde quer que olhava, o ouvia em todos os lugares, ele habitava em meus sonhos, em meu viver.
       Durante todos esses anos que vivo por ele, nunca teve outro em minha vida, minha triste e solitária vida, sem ele.
       Ele foi meu herói mesmo sendo meu vilão. Nunca soube se tudo isso fora realidade ou ilusão, me perdi em um mundo de sonhos apaixonados, onde não existia o certo e o errado,  ele era um rei, meu rei. E a realidade sem ele, me maltratava.
       E sempre me perguntavas “ Por que tu não ficas sempre comigo” meu sonho, meu doce e maravilhoso sonho.
       Preferi viver uma vida de mentiras, um estória, uma farsa. Em que eu era uma princesa e ele meu príncipe. Escolhi viver entre sonhos; do que viver uma realidade sem ele.
       Ele era a luz para mim, uma falsa luz, mas ainda era luz. A luz que me mantinha viva, pela qual eu vivia, ele era o sangue que me fluía.
       Quando eu saia do mundo em que criei, me sentia incompleta,ele me protegua até mesmo quando me destruía. Eu amava ficar com ele, sentir sua pesada respiração em mim. Suas mãos sobre as minhas mãos. Meu viver era eu e ele, mesmo que brevemente, mesmo que pude-se ser sempre a última vez, mesmo que quando eu acordar, ele NUNCA iria estar ali, era como se ele fugisse de mim antes do sol nascer.  
       Ele era um veneno para mim. Um doce veneno que me embriagava, destruía minha lucidez. Me tirava da realidade, de uma forma assustadora. Mesmo com esse medo de viver sem ele, eu o amava. O amava louca e apaixonadamente.
       Ele se transformou em uma tatuagem na minha pele. Sua digital me marcou, ficou em mim como uma assinatura silenciosa.
       O seu perfume, que em minha vida nunca senti, mas está marcado em mim. Um perfume, uma droga que absorvi em apenas olhá-lo. A pior das drogas, o pior dos vícios em que para eu, apenas o olhá-lo era fatal. Era um caminho mortal, sem volta.
       Tocar lhe era como sentir o mais puro algodão e queimar no mais alto fogo. Um bilhão de desejos que movem meu mundo, meus sonhos, minhas vontades incontroladas que em um piscar de olhos eu parava de viver em mim, para viver em nós.
        Minha parede de vidro quebrou-se e não volto mais para lá. Ele era um ídolo de barro, algo que não existe e que acabava com minha sanidade, eu o amava e ele nunca soube. Nem nunca saberia. Ele era algo maior, infelizmente para ele. Não sabe o que perdeu, sei que um dia talvez o encontre.  E então todos os meus sonhos, vou poder lhe mostrar, afinal, ele continua em mim.

Selene Blanchard
@Correção por @thaay_bilesimo. :)

Beijos Blanc
@ Moda e Eu.

@ Moda e Eu.

Prepare-se :) a contagem vai começar! "A arte de ignorar um desvio de comportamento, um costume, uma forma de sobrevivência, um mecanismo de defesa, de resistência, ou conseqüência do egoísmo e do medo. " Sthéfanie Paula Cachoeira rezena

24 comentários:

  1. Olá Sthefanie !
    Passando para agradecer a visita no meu Blog e claro, elogiar a sua sensibilidade !
    Também adorei as suas postagens, você é uma pessoa muito romântica por sinal...

    Gostei muito do " Apenas Eu " ...

    Hoje tem conto novo no Blog viu:
    " A encomenda dos sete homens de preto... "

    http://www.historiasdoandrevicttor.blogspot.com

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Ah, se puder confira e comente sobre essa resenha feita pelo Blog da Aione, referente ao meu livro: "Os Sobreviventes da Santa Inquisição"

    http://minha-vida-literaria.blogspot.com/2011/11/resenha-os-sobreviventes-da-santa.html

    ResponderExcluir
  3. [AAAAAAAAAAA]
    Christopher... :D
    É ele?

    ResponderExcluir
  4. haha, sabe vejo voce escrevendo isso.

    beijo

    ResponderExcluir
  5. HAHA - Q
    veerdade, haha também achei que é o Ucker

    ResponderExcluir
  6. Cá estou ... que blog lindo ...texto fantastico ") - Gossinp

    ResponderExcluir
  7. Nota Dez o seu blog e o texto também!
    Amandio relações publicas clubdosnovosautoresblogspot.com
    Abraços fraternos.

    ResponderExcluir
  8. Correção pro Thaay foi a melhor né, hehe.

    Beijoca.!

    ResponderExcluir
  9. Pronto I miss u. estou aqui.

    Se eu visse o texto sem nome já saberia que era teu, haha. te amo. (L)

    ResponderExcluir
  10. Ai, que lindo esse nessa foto :D

    AMEI O TEXTO, BEIJOS

    ResponderExcluir
  11. "O amor não é um estado de anulação. Perceber que o que se vê refletido no espelho da aceitação do outro é simplesmente o reconhecimento de quem se é realmente."
    Eu amei o texto! Parabéns...

    ResponderExcluir
  12. Tinha que ser vossa pessoa ne!
    lindo amor

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.