Breaking News
recent

Um Mundo Brilhante - T. Greenwood @novo_conceito



Sinopse
Quando o professor Ben Bailey sai de casa para pegar o jornal e apreciar a primeira neve do ano, ele encontra um jovem caído e testemunha os últimos instantes de sua vida. Ao conhecer a irmã do rapaz, Ben se convence de que ele foi vítima de um crime de ódio e se propõe a ajudá-la a provar que se tratou de um assassinato. Sem perceber, Ben inicia uma jornada que o leva a descobrir quem realmente é, e o que deseja da vida. Seu futuro, cuidadosamente traçado, torna-se incerto, pois ele passa a questionar tudo à sua volta, desde o emprego como professor de História, até o relacionamento com sua noiva. Quando a conheceu, Ben tinha ficado impressionado com seu otimismo e sua autoconfiança. Com o tempo, porém, ela apenas reforçava nele a sensação de solidão que o fazia relembrar sua infância problemática. Essa procura pelas respostas o deixará dividido entre a responsabilidade e a felicidade, entre seu futuro há muito planejado e as escolhas que podem libertá-lo da delicada teia de mentiras que ele construiu. Esta, enfim, é uma história fascinante sobre o que devemos às pessoas, o que devemos a nós mesmos e o preço das decisões que tomamos.



Li o livro levanto no peito, não gosto do tipo de assunto tratado, me causa uma revolta tão grande.
Mas como o livro é lindo (amei mesmo a capa) e a editora tem nome e peso, continuei lendo (depois de algum tempo).
Fiquei curiosa com o fato, quem matou o cara que parecia não fazer mal pra ninguém. Ben? O que ele tinha a ver com isso? O que o tocou tão a funda a ponta de mudar de uma hora pra outra.
A irmã, por que ela fazia as coisas, não me saia da cabeça. Também não consegui visualizada com exatidão;
Sara, nossa meu coração se quebrava junto com o dela. Parecia ser tão forte, tão especial e Bem fez o que fez.
Toda a separação do livro por cores, e não saquei com foi a estratégia dela. Por que, achei meio, ESSA COR NÃO TEM NADA VER COM ESSA BUDEGA NÃO.
Gostar? Eu não fiquei com mil amores. Ler? Eu li todinho.
Achei que Ben deveria sofrer bem mais, e não ter o final como teve.


Moda e eu

Moda e eu

6 comentários:

  1. Blanc!
    Pois gostei muito desse livro, achei a história interessante e reflexiva: sobre as atitudes que devemos tomar na vida, sempre trazem consequencias.

    Receber sua visita no blog é momento de esplendor, obrigada! Retribuo o carinho e a atenção!
    Vim desejar alegria, felicidade e muito amor no coração!! Um mes carregadinho de boas energias e sucesso!

    “Crer, é tornar possível o impossível.”
    Carinho não tem preço, doe-se.
    Blogueiras Unidas 1275!
    Luz e paz!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, senti a mesma coisa no livro!

    beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom :D
      achei que eu tava ficando louca.

      Excluir
  3. Quando eu for ai, vou querer ler!

    beijos

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.