Breaking News
recent

Resenha || O Homem dos Meus Livros

O Homem dos Meus Livros
Eu posso ser quem você quiser que eu seja
Homens Que Amamos # 01
Evy Maciel
ISBN: B00QEE7NKG
Ano: 2014 / Páginas: 232
Idioma: português
Editora: FBN
Comprar no Site Oficial
Livro Único
Box

Ficção / Literatura Brasileira / Chick-lit / Romance


Leitora compulsiva de romances, a jovem Jules Clarkson, sempre sonhou em ter uma aventura como as dos livros que lia. 

Tudo muda quando ela recebe alguns e-mails misteriosos, nada convencionais, de um suposto admirador, que a impressiona com palavras fortes, frases de impacto e algumas promessas bastante ousadas. 
Que mal há entrar na brincadeira? Nenhum! 
É nisso que ela acredita.
Entre tantas coisas, ela era muito boa em fugir, talvez esse fosse o motivo pelo qual aceita brincar com um desconhecido, era muito mais fácil quando não tinha que olhar diretamente nos olhos da pessoa, e talvez por isso, seus relacionamentos não fluíssem como ela esperava, pois criava expectativas demais por um homem que só existia nas páginas de histórias fictícias. 
Quando aparentemente o universo conspira a seu favor, jogando um homem lindo e totalmente real em sua vida, Jules não sabe o que fazer a respeito. Contudo, o que Jules queria de verdade, era encontrar alguém que a surpreendesse, que a conquistasse de maneira inesperada e que não usasse apenas métodos clichês de aproximação.
Mas é quando o homem misterioso deseja encontrá-la que surge a grande dúvida: Se render a um completo desconhecido e viver sua aventura literária, ou cair na realidade de que isso pode ser muito arriscado?
Será possível encontrar o homem dos seus livros?




@ Moda e Eu.

@ Moda e Eu.

Prepare-se :) a contagem vai começar! "A arte de ignorar um desvio de comportamento, um costume, uma forma de sobrevivência, um mecanismo de defesa, de resistência, ou conseqüência do egoísmo e do medo. " Sthéfanie Paula Cachoeira rezena

2 comentários:

  1. acho interessante o enredo proposto pela autora, trazer a idealização do homem perfeito em sua concretude, mas não sei se a forma me agradaria, afinal vendo pelo lado prático Jules foi um pouco infantil e muito despreocupada com sua segurança
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amei a história! Acho que tu irias gostar.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.